19 de set de 2011

Semana Recheada

Eliane Brum e Nasci

Caricaturas prá que te quero. Alguns ofícios são muito enriquecedores. A Semana Literária do Sesc e a Semana da Paz de Londrina proporcionaram momentos muito bons a quem pôde participar. Sob todos os aspectos, foram tratados assuntos edificantes que geraram ótimos intercâmbios humanos.

Fui previlegiado com o convite de fazer as caricaturas dos escritores convidados. E devo ser sincero em dizer que só conhecia por nome a maioria deles, mas no processo de pesquisa para desenhá-los, me deparei com pessoas muito interessantes.

Enquanto eu desenhava, buscava vídeos com entrevistas dos escritores para ter mais informações, não só visuais, como também de seus perfis. E metade deles, tem um material bem legal que pode ser visto pela internet.

O de Eliane Brum, em especial, chamou-me muito a atenção. Eu já conhecia alguns de seus trabalhos na revista Época e lembro-me de tê-la visto no programa Roda Viva, mas por distração (prá não dizer estupidez), fiz aquela coisa de ler a matéria sem ver o nome do autor. A assistí na TV, sem ligar seu rosto ao nome daquela repórter, daquela matéria, daquela revista... Enfim, até este momento, eu nunca havia prestado atenção em Eliane (e isso porque ela tem inúmeros prêmios de jornalismo). O ponto é que ela é ótima, não só como escritora, mas como pessoa. Seu método de escrever não é o de trazer uma notícia para vender jornal, mas sim, o de contar histórias de pessoas comuns, de forma a mostrar o quanto elas são importantes. Todas elas, de forma individual e coletiva. Histórias que nos obrigam a refletir a vida e nos deixa com vontade de nos tornarmos melhores. E isto merece ser visto.

Assim, fiquei com muita vontade de conhecê-la. E ela é uma graça...

Luiz Henrique Pellanda

De Luiz Pellanda não encontrei muitos vídeos... Ainda. Segundo ele, sua carreira está entrando no momento de ser convidado para vários eventos como este. Deste modo, a próxima pessoa que for designada para caricaturá-lo terá mais material de base que eu! Assim espero. Pois o cara é gente boa e talentoso. Ele me deu um livro de crônicas. Muito bom! Seu toque literal é justamente o do cronista, com humorados e bem pensados beliscões políticos e sociais...

Mari Nascimento, André Trigueiro e Nasci

André Trigueiro não tinha relação com o evento do Sesc. Foi convidado como palestrante da Semana da Paz, desenvolvida pelo Compaz - Conselho Municipal da Cultura da paz em Londrina.

Lá em casa, vez ou outra, quando eu assistia jornal comentava com a minha esposa; "Taí um cara que eu gostaria de cumprimentar!" Apesar do nítido profissionalismo e das regras posturais comuns aos apresentadores de telejornal, Trigueiro sempre deixou transparecer algo mais nas entrelinhas de suas falas... Seu engajamento sincero em projetos ambientais, sociais e espirituais garantem à sua voz uma credibilidade maior, diferente de um jornalista unicamente profissional. Logo, eu já estava fazendo várias caricaturas mesmo, era óbvio que haveria de fazer mais uma e garantir aquele aperto de mão!

E valeu, suas palestra foram ótimas. Completas em "informação" e consciência. (assistam as que estão na internet). E seu livro, "Espiritismo e Ecologia" é altamente pedagógico. Já vi várias formas de usá-lo com meus alunos. Quem não é espírita, esqueça o título que remete à doutrina, o lívro é bom, útil e necessário para nossa época...

Nenhum comentário: